[ESPECIAL] Redes sociais para ecommerce: aprenda criar um planejamento de conteúdo

Conteúdo

Com o surgimento da tecnologia digital nos últimos anos, o uso de redes sociais para vender está se mostrando uma solução eficaz. Para uma empresa hoje, é impossível ignorar as redes sociais em sua estratégia de comunicação, essas redes sociais são até vitais para algumas empresas. De fato, quase 80% dos comerciantes eletrônicos usam redes sociais para fins comerciais.

Com o Twitter, Instagram, Facebook, LinkedIn e etc, a lista de redes sociais é grande. No entanto, para aproveitar ao máximo o potencial das redes sociais e otimizar suas chances de sucesso, é necessário segmentar adequadamente cada rede social, porque nem todas elas são adequadas para o seu negócio. Isso dependerá de vários fatores, como sua atividade, seus objetivos e conteúdo que você deseja compartilhar. Neste artigo, fizemos uma lista das redes sociais mais populares do nosso país e forneceremos todas as chaves para você escolher, mas também usar as redes sociais mais adequadas para o seu comércio eletrônico.

Uma estratégia de mídia social pode ser integrada à estratégia de desenvolvimento e comunicação da sua loja online. Saiba mais sobre o uso de redes sociais para comércio eletrônico, além de adquirir as cordas do gerenciamento de projetos online.

 

Por que usar redes sociais para vender?

Com vários milhões de usuários no Brasil, estar presente nas redes sociais se tornou uma necessidade para ser visível. De fato, entre esses usuários provavelmente estão alguns de seus clientes e seus futuros clientes. A mídia social mudou claramente a maneira como os consumidores reagem à sua marca, descobrem seus produtos e tomam decisões de compra.

 

Venda social

A venda social é um processo que consiste no uso de redes sociais no processo de vendas para desenvolver seus negócios. O objetivo é detectar usuários que sejam potenciais compradores e convertê-los em clientes em potencial. É um processo de pesquisa, seleção, interação com potenciais clientes via redes sociais.

 

Seja visível nas redes sociais

Estar presente nas redes sociais permite que você seja visto, para divulgar sua marca, é uma maneira muito boa de melhorar sua notoriedade. Você tem a oportunidade de promover seus produtos e também de buscar novos clientes. Não importa qual é o seu objetivo de negócios, se você compartilhar o conteúdo certo nas mídias sociais, no momento certo, na plataforma certa, você terá todas as chances de alcançá-los.

Além disso, é um excelente canal para melhorar seu SEO e o tráfego de seu comércio eletrônico, quanto mais pessoas falam sobre você nas redes sociais, mais visível você é, mais seus clientes compartilharão seu conteúdo e mais a possibilidade de tocar em novos clientes será ótimo.

 

Fique mais perto dos seus clientes graças às redes sociais

As redes sociais são uma das melhores ferramentas para permitir que você se aproxime de seus clientes e clientes em potencial graças à segmentação deles. Você poderá entrar em contato com eles diretamente nas redes sociais, respondendo às perguntas deles, agradecendo-lhes pelo interesse em sua empresa ou para mantê-los informados sobre suas notícias. Além disso, através dos vários feedbacks de seus clientes, você poderá melhorar seus produtos ou serviços. As redes sociais são uma mina de informações para monitorar e conhecer as necessidades dos consumidores do seu setor.

As redes sociais também são a possibilidade de fidelizar uma comunidade que atenda às suas expectativas em termos de compras, feedback, mas acima de tudo, que pode atuar como um grupo de embaixadores da sua marca.

 

Escolha suas redes sociais de acordo com sua atividade

A lista de redes sociais é vasta, mas antes de sair se registrando em qualquer uma, você precisa saber em quais redes sociais seu objetivo está. Aqui estão as redes sociais mais populares e mais usadas no Brasil:

 

Facebook, líder em redes sociais

Facebook tem mais de 2,45 bilhões mensais usuários ativos e cerca de 130 milhões de visitantes únicos por mês no Brasil. É a rede social de referência no Brasil e é particularmente adequada ao e-commerce.

O Messenger, também parte do Facebook, juntamente com o WhatsApp e o Instagram, também atrai um grande público, com mais de 1,3 bilhão de pessoas usando mensagens instantâneas por mês, trocando um total de 20 bilhões de mensagens.

Enquanto isso, o WhatsApp atrai 1,6 bilhão de usuários mensais.

 

Público

O Facebook tem muitos usuários, resultando em uma pluralidade de perfis que podemos encontrar na rede social. Assim, todas as categorias de pessoas estão representadas, a idade média dos usuários é de 25 a 34 anos, com uma distribuição masculino / feminino inclinada levemente para o lado dos homens (na faixa etária de 25 a 34 anos, os homens estão presentes em 19% enquanto mulheres em 13%).

 

Metas

  • Construa uma comunidade e retenha-a;
  • Retransmitir conteúdo e seus produtos;
  • Destacar informações gerais e a vida da empresa.

 

Quando publicar

Vários dias podem ser considerados ótimos para postar no Facebook. Podemos mencionar notavelmente o início da semana: segunda – feira, mais especificamente. Também encontramos o fim de semana as sextas, sábados e domingos.

Os horários ideais são 9h, 13h e 15h.

 

Ferramentas

  • Anúncios do Facebook: uma ferramenta de promoção que permite segmentar com precisão os usuários da Internet. Por exemplo, você pode segmentá-los por sexo, idade, local, área de interesse etc.
  • Facebook Marketplace: colocando vendedores e compradores em contato com anúncios de vendas online.
  • Facebook Insight: ferramenta para todos os administradores da página da sua empresa. Ele permite que você analise seu público-alvo através de inúmeras estatísticas sobre publicações e engajamento.
  • Pixel do Facebook: ferramenta de análise que permite avaliar a eficácia de sua publicidade acompanhando as ações realizadas pelas pessoas no seu site.

 

Dicas

  • Publique conteúdo visual (vídeos e imagens), esses são os tipos de conteúdo mais compartilhados. Vídeo é o tipo de postagem com a maior taxa de engajamento (8,29% por postagem).
  • Aposte no engajamento e na qualidade de suas postagens, não na quantidade.
  • Use a publicidade online dos anúncios do Facebook para ficar visível, pois o alcance do Facebook está ficando cada vez menor.

 

Instagram e o apelo visual

O Instagram, criado em 2010 e adquirido pelo Facebook em 2012, está crescendo e se tornou uma das redes sociais mais populares entre os jovens. A plataforma móvel possui 1 bilhão de usuários ativos por mês, incluindo 60,1 milhões de brasileiros. Todos os dias, 500 milhões de histórias são postadas na rede. É a rede social do M-commerce.

 

Público

Por volta de 71% dos usuários ativos do Instagram têm menos de 35 anos. A faixa etária 25/34 é dominante e é seguida pelos usuários na faixa etária 18/24.

Entre todos os usuários, 52% são homens e 48% são mulheres, tornando essa rede com paridade quase perfeita.

O tempo médio diário de uso do Instagram é de cerca de 53 minutos.

 

Metas

  • Destaque sua atividade, seu feed representa sua identidade.
  • Promova seus pro
  • Aproxime-se da sua comunidade (mostrando os bastidores com histórias, por exemplo).

 

Quando publicar

No Instagram, segunda e quinta – feira são considerados os melhores dias para postar. Em geral, são os dias da semana, de segunda a sexta-feira, que você deve priorizar para suas postagens no Instagram. Os melhores horários de publicação são pela manhã , quando os usuários acordam (das 7 às 9 da manhã) e no final da tarde (das 17 às 18 horas), sempre fora do horário normal de trabalho e de aula.

 

Ferramentas

  • Instagram Shopping: ferramenta que permite adicionar um link de produto diretamente às suas fotos (a publicidade do Instagram é gerenciada no Facebook, você deve primeiro fazer upload do seu catálogo para o Facebook e o Instagram irá importá-lo).
  • Instagram Business: vinculada à sua conta do Facebook, esta ferramenta permite que você anuncie no Instagram. Existem 2 tipos de anúncio no Instagram: no formato de postagem (imagem ou vídeo) ou no formato de matéria. Nota importante: para poder adicionar links às suas publicações, você deve ter 10.000 seguidores.
  • Snapppt: ferramenta gratuita que transforma fotos postadas no Instagram em uma folha de produtos.

 

Dicas

  • Tenha uma identidade visual bastante forte (com fotos e vídeos de qualidade).
  • Demonstre autenticidade e espontaneidade no stories.
  • Use hashtags relevantes para serem encontradas com mais facilidade (aposte na qualidade das hashtags e não na quantidade, a média recomendada é 10). É importante entender quais hashtags mais usadas e seguidas pelos seu público.
  • Comunique-se através de influenciadores.

 

Youtube, a plataforma de vídeo

Embora o YouTube não possa ser considerado uma rede social completa, a plataforma de vídeo oferece muitas possibilidades para lojas online. O YouTube é o segundo site mais visitado do mundo, atrás do Google. Um benefício para a Alphabet, empresa controladora do Google que também comprou o YouTube.

Globalmente, o gigante do vídeo atrai mais de 2 bilhões de usuários mensais. No geral, mais de 80.000 vídeos são visualizados a cada segundo. Na Brasil, são mais de 100 milhões de visitas únicas por mês. Obviamente, se você não criar conteúdo de vídeo, infelizmente precisará esquecer esta plataforma.

Mas os brasileiros são muito atraídos pelo YouTube e por seus criadores de vídeos.

 

Público

O YouTube reúne todos os tipos de usuários, mas uma faixa etária é predominante na plataforma: pessoas de 25 a 49 anos representam 52% dos usuários na Brasil.

Observe também que as pessoas de 18 a 34 anos gastam, em média, 46 minutos assistindo a vídeos, a cada visita, e que 93% dos brasileiros acessam o YouTube pelo menos uma vez por mês.

 

Metas

  • Ganhe notoriedade e
  • Promova seu SEO e traga tráfego.
  • Mostre seus produtos em vídeo.
  • Aproxime-se do consumidor por meio de vídeo.
  • Humanize seus negócios.

 

Quando publicar

Para o YouTube, as visualizações seriam maiores nos finais de semana do que nos dias da semana. Porém, as divulgações feitas durante a semana podem ser feitas entre as 19h e às 23h. Também haveria um pico entre as 21h e às 23h, quando você pode atingir os horários mais populosos e ativos da época.

 

Ferramentas

  • YouTube Analytics: ferramenta que fornece estatísticas detalhadas para medir o sucesso de seus vídeos.
  • TubeBuddy: ferramenta de diagnóstico que examina seu vídeo para ver se ele está configurado corretamente e otimizado para gerar visualizações.
  • KineMaster: ferramenta de edição de vídeo fácil de usar, acessível em smartphones.

 

Dicas

  • Crie uma conta do YouTube apenas se você puder gravar vídeos de forma recorrente.
  • Tenha uma identidade visual e seja autêntico.
  • Tenha um bom material.
  • Trabalhe bem em suas palavras-chave, títulos e descrições para que seu canal e vídeos sejam facilmente encontrados.

 

Conclusão

É claro que existem outras redes sociais, cada uma reunindo suas especificidades e comunidades.

Hoje, está se tornando muito complicado ou até impossível ficar sem redes sociais para o seu negócio. Ser visível na internet e nas redes sociais não é sinônimo de estar em todos os lugares ao mesmo tempo, não há sentido em se espalhar ed-danmark.com. É importante ter uma estratégia clara de acordo com sua atividade e seu objetivo. Agora você tem todas as chaves para escolher quais redes sociais usar para o seu negócio.