Supersônica #4 – Low-hanging fruits e a otimização da sua lista de tarefas

Pense nas suas oportunidade de expansão como uma árvore cheia de frutas. Todas são iguais. Qual fruta você pega primeiro? A que está ao alcance da mão ou a que ta no topo da árvore? 

Conteúdo

Pense nas suas oportunidade de expansão como uma árvore cheia de frutas. Todas são iguais. Qual fruta você pega primeiro? A que está ao alcance da mão ou a que ta no topo da árvore? 

Muitas empresas preferem a do topo da árvore, mesmo com algumas ao alcance das mãos. Seja porque a idéia parece mais legal, por aquela visão de que empreendedor precisa se sacrificar trabalhando 18 horas por dia ou simplesmente por não enxergar oportunidades fáceis.

Em meio a uma crise, energia é um item caro e não podemos gastar em ações que não sabemos se vão trazer resultados ou demorar muito. Temos que pensar na praticidade para alcançar o nosso objetivo.

No primeiro dia eu me desculpei por não ter postado o conteúdo em vídeo como tinha prometido e hoje eu vou explicar o motivo.

Eu acredito de verdade que é possível todo mundo se ajudar compartilhando as suas idéias, mostrando como está superando a crise, ajudando e orientando o amiguinho e o meu papel aqui é fazer o mesmo. Ajudar e orientar criando conteúdo todos os dias e abrindo espaço para vocês fazerem o mesmo. Acredito que todos nós podemos agregar de verdade. 

Mas nem sempre é fácil executar. Eu sempre quis criar conteúdo, mas só agora eu me forcei a fazer isso todos os dias, pois realmente acredito que pode ser de ajuda. Estou planejando esta série de conteúdos há algumas semanas, me preparei para fazer vários vídeos e comecei a gravar um pouco antes. No meio do caminho tive problemas com áudio, com o vídeo que não gravava, com os formatos e codecs que não encaixam com o software de edição e por isso não saiu o vídeo do primeiro dia. Eu passei o dia tentando “fazer dar certo”, mas em determinado momento eu consegui enxergar além beit-mirkahat.com/.

Eu percebi que o que importa não é o formato, mas o conteúdo. Entendo que nem todo mundo gosta de ler e consumir conteúdo em vídeo é muito mais intuitivo hoje. Mas também sei que seria um “high-hanging fruit”, um fruto alto demais pra eu pegar naquele momento. O esforço seria muito grande e eu usaria um tempo que eu estou usando para mostrar pra outras pessoas como elas podem vencer a crise e se reinventar.

Eu não vejo isso como fracasso, mas respeito quem acredita ser. Não precisamos ter a mesma opinião e está tudo bem. Os conteúdos em outros formatos estão sendo produzidos, mas esta é a hora de ter certeza que o esforço vai realmente impactar positivamente brasil-libido.com. Se esse conteúdo, está te ajudando de alguma forma, deixa nos comentários. É uma coisa simples que nos motiva a ir adiante.

Eu sei que esse texto parece mais um desabafo, mas é o exemplo que mais se aproxima do conceito de “Low Hanging Fruit”, ou colher frutos mais fáceis, mais próximos e eu usei o meu caso pra mostrar que com ações mais simples podemos ter um impacto positivo no nosso crescimento. Essa analogia é usada no Growth Hacking, um método de aceleração de crescimento que aplicamos para ajudar os nossos clientes a entender o que é mais fácil fazer primeiro para alcançar o seu objetivo.

No próximo artigo eu explico o passo a passo para priorizar tarefas, focando no que vai ser mais fácil de fazer e trazer maior resultado, seja no marketing, vendas ou outros processos que você executa na sua empresa.

Se você leu até aqui e de alguma esse texto te ajudou e fez sentido pra ti, compartilha, me segue no instagram 🙂